"Aquele que se eleva nas pontas dos pés não está seguro ..."

Matt Hardy




Linhas da minha imagem 
que estavam dispersas por aí 
como varetas curtas 
que vão e se juntam 
vêm e se dispersam  

Montam traços da minha imagem 
Imagem-quadro...
                                                                                                               

Yona Wollach

Ah, se eu soubesse quem sou
Se outro fosse o meu rosto 
Se minha vida-magia 
fosse a vida que seria 
Vida melhor outro rosto.

Hilda Hilst


Estou na caridade da evolução do meu ser. 
Quero ser menina, encontro-me mulher... 
Quero ser mulher, vejo-me menina...

Ferreira Gullar



Quando olho para o meu passado, 
encontro uma mulher bem parecida comigo
- por acaso, eu mesma - 
porém essa mulher sabia menos, 
conhecia menos lugares, menos emoções.

Martha Medeiros


O certo
foi o que sempre quis fazer.
Olho para trás:
vejo que fiz tudo errado,
vejo que fiz pecado.
O passado atira pedras no presente,
de muitos formatos e cores.
Algumas me machucam
(deixo o sangue escorrer).
Algumas guardo no bolso
para quando envelhecer
e ficar caduca
(atirar nos outros?)

Suzana Mafra



Aos poucos vou juntando as peças e (re)descobrindo quem sou. Às vezes penso me conhecer e acabo me surpreendendo. Sei que sou transparente, tenho um certo compromisso com a verdade, não gosto de aparentar nada sem que seja real, não gosto de fingir embora saiba, quando necessário. Flerto com a liberdade mas amo os meus pés no chão, não gosto de nada definitivo. Posso mudar de humor a qualquer momento, sou como a lua e as marés. Mas se tem algo que podem contar é com minha sinceridade nos sentimentos. Dentro de mim existe a pequena bailarina, que na ponta dos pés olha para vida que passou, e a que  virá, sempre na ponta dos pés para ficar mais alta e ver melhor...

Comentários

  1. A gente sempre precisa fazer aprendizagens sobre nós mesmos.
    É bom descobrir coisas boas!

    ResponderExcluir
  2. A vida é realmente surpreendente e quando achamos que nos conhecemos acabamos nos surpreendo e isso é bom, sempre é bom ver um outro lado nosso...
    Beijossss

    ResponderExcluir
  3. Gostei da pequena bailarina que há em ti!... ela é capaz dos mais deliciosos movimentos!


    Beijos,
    AL

    ResponderExcluir
  4. Adoro as palavras da Martha que reconhece o crescimento, a evolução, sem desmerecer o que se foi um dia.

    Beijocas.

    ResponderExcluir
  5. Eu também tenho essa bailarina dentro de mim.

    beijos querida, se cuida e cuida bem do seu amor, aiai, como se eu precisasse falar, neh rsss.
    ótimo fim de semana.
    Meu carinho.

    ResponderExcluir
  6. Essa bailarina além de ver melhor, vê da forma mais bonita,pois tem o olhar da sensibilidade.
    Girassóis nos seus dias. beijos.

    ResponderExcluir
  7. amei seu post!!!!

    tenho uma grande identificação com o que vc escreveu no texto...

    meu carinho...

    Zil

    ResponderExcluir
  8. Passando para Desejar um final de Semana repleto de muita paz,
    amor, coloridos e cheio de alegrias, beijos Meus :)

    ResponderExcluir
  9. É muito bonita a verdade.
    Melhor companheira não há.
    A bailarina que existe em cada um de nós, sempre procura o melho passo para enfrentar a vida. Embora seja quase sempre um passo a aprender.
    Expectativas, e eu amei a bailarina em ti.

    Beijo linda

    ResponderExcluir
  10. Depois de ler vários pedacinhos de ti, vou juntando a mim e vendo que tenho várias metades minhas a serem descobertas...

    Beijos Flor

    ResponderExcluir
  11. respondendo teu comentário lá no blog : é eu quase já n tenho... sofro mt com isso :S

    volte sempre ^^

    ResponderExcluir
  12. Dentro de mim ha uma bailarina dentro de mim...
    Lindo o texto, como sempre!
    Estou na caridade do meu ser.
    bjOus

    ResponderExcluir
  13. Olá! Adorei seu blog, muito criativo! Também tenho um blog e gostaria que vc desse uma olhada. O endereço é: http://www.criticaretro.blogspot.com/ Passe por lá! Lê ^_^

    ResponderExcluir
  14. Sei não, tem gente que vai se sentir chacoalhada...rs! Tá lindaço, beijooO*

    ResponderExcluir
  15. Também não gosto muito do definitivo,me encontro em mutação ultimamente,não sei aonde vai me levar,mas fico feliz por deixar de ser como era,por descobrir que posso ser melhor a cada dia sem jamais deixar de olhar pra dentro de mim,mudam as pessoas,mas os sentimentos dentro de mim permanecem os mesmo,uns mais outros menos,assim como tem que ser!
    Um ótimo final de semana!abraço=)

    ResponderExcluir
  16. "Estou na caridade da evolução do meu ser.
    Quero ser menina, encontro-me mulher...
    Quero ser mulher, vejo-me menina..." Me transcreveu.
    Essa evolução é assustadoramente essencial.
    Adorei os trechos e teu escrito final. Muito mesmo.

    ResponderExcluir
  17. E que a bailarina brilhe e encante e dance e seja feliz!

    Meu carinho!
    http://pequenocaminho.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Lindo querida...delicia termos metido o papo em dia...beijo querida..lindo como sempre...bjs

    ResponderExcluir
  19. A gente está sempre se (res)descobrindo!

    :)

    beijos

    ResponderExcluir
  20. Tu és delicadeza, moça, pura, bruta e nua delicadeza.

    Beijos,

    Suzana/LILY

    ResponderExcluir
  21. Somos uma eterna construção...em eterna reconstrução:)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Porque a vida, a vida, a vida,
a vida só é possível
reinventada.

"Cecilia Meireles"

Postagens mais visitadas