terça-feira, 10 de janeiro de 2012

"Deixa o teu corpo entender-se com outro corpo."







Sinto abalada minha calma,

Embriagada minha alma,

Efeitos da tua sedução

Cartola


Ver-te. Tocar-te. Que fulgor de máscaras.

Que desenhos e rictus na tua cara
Como os frisos veementes dos tapetes antigos.

Que sombrio te tornas se repito

O sinuoso caminho que persigo: um desejo

Sem dono, um adorar-te vívido mas livre.

E que escura me faço se abocanhas de mim

Palavras e resíduos. Me vêm fomes

Agonias de grandes espessuras, embaça
das luas
Facas, tempestade. Ver-te. Tocar-te.

Hilda Hilst




Paixão é quando o demônio está nu


Sexo com quem ama é muito mais satânico,
não precisa ser um amor pra sempre,
pode ser um amor de repente, qualquer amor inferniza





Clarice Lispector



Amor meu, minhas penas, meu delírio,

Aonde quer que vás, irá contigo

Meu corpo, mais que um corpo, irá um'alma

Carlos Drummond de Andrade



Que seja a tua mão tão branda como a neve

Que feche o meu olhar numa carícia leve

Em doce perpassar de pétala de lis…
Que seja a tua boca rubra como o sangue

Que feche a minha boca, a minha boca exangue!
…
………………………………………….

Ah, venha a morte já que eu morrerei feliz!…

Florbela Espanca



Primeiro nossos corpos falaram, desejaram, saciaram a fome. Depois a sensação do definitivo. Ninguém mais precisaria me tocar porque você era a pessoa que sempre desejei.
Sempre o calor, sempre o arrepio, sempre a vontade de ser sua. 
Desde o primeiro toque eu sabia que seria sua até o infinito...





light my fire - the doors

27 comentários:

  1. Amiga MAggie, amo tuas postagens, mas hoje tu arrebentaste a boca do balão. Hoje tá demais! Não bastasse a companhia de Hilda, Clarice e Drummond tu ainda ofereces Light My Fire na voz do Jim.
    Ouço essa música há mais de quarenta anos e ela ainda me entusiasma quando a ouça, aliás do final do ano para cá a tenho ouvido pelo menos uma vez por dia.
    Um grande abraço. Tenhas um lindo dia.

    ResponderExcluir
  2. Gente, que delicia de leitura!!

    Tô em êxtase!!!

    Uau!


    Verônica

    ResponderExcluir
  3. Eita... o bicho tá pegando por aqui hoje...

    ResponderExcluir
  4. "Ser sua até o infinito..."
    Como se sabe ou se sente isso?eu sei não tem explicação,mas queria um dia ter essa certeza.Beijosss

    ResponderExcluir
  5. Huuuuummmmmm...Acordamos os dois com a alma em chamas!Que bom te ter de volta amiga querida!morria de saudades!bj

    ResponderExcluir
  6. Maggieeeee...

    ( Meu email : patriciavicensotti@hotmail.com )

    Te aguardo,visse?

    Fiquei super feliz em te ver em meu comente!
    Saudadeeee!

    Bjo Bjo!

    ResponderExcluir
  7. Deixar o meu corpo se entender com outro corpo é desejar que o outro corpo queira se entender com o meu... e como desejo!!! Ainda mais que este corpo já tenha fervido em outros corpos :-p
    Seus postes sempre tão belos, lêem minha mente e minhas vontades. Nossa vontades e nossos desejos...
    bbbju gde
    Nâna

    ResponderExcluir
  8. Maggie, hj vc se superou...
    Reunião de bambambãns conjecturando sobre, digamos...sedução...paixão...amor...
    bj,

    ResponderExcluir
  9. Oie minha lindona queridaaaa


    Que saudade de vc, nussaaaaaa já chegou botando fogo em tudo, me deu inté calor rssss, que tudo tenha sido maravilhoso nesses dias e que 2012 seja SENSACIONAL, meu carinho sempre.

    ResponderExcluir
  10. Amor desejado encontrado, perfeito, é um luxo... um luxo que sabe a pouco, como o tempo é o tempo sempre pouco em que damos.

    Beijinho

    ResponderExcluir
  11. Pensamentos arrasadores. Amei todos e cada um.
    Um grande bj querida amiga

    ResponderExcluir
  12. light my fire pra esse tema, ficou assim, PERFEITO. hahaha

    =***

    ResponderExcluir
  13. Primeiro deixe-me dizer "saudades, viu?". Agora sim, imagine um suspiro profundo e um sorriso de orelhas. Você disse o que penso e sinto e com Hilda e Florbela pelo caminho. rs

    bacio

    ResponderExcluir
  14. Boa noite querida menina dos retalhos de poesia...que tal hoje retalharmos o Amor e a Morte? Sim, iremos recortar as dores, os sofrimentos, as lagrimas e depois jogar tudo dentro de uma caixa, enterrar e escrever na lapide..."aqui Jaz um antigo amaor, para dar lugar a outro amor!" Viajei nao e mesmo? Ciclos se fecham, se completam para que possamos iniciar novos ciclos...Quando um Amor acaba, nao devemos sofrer e sim, sair a busca de um novo amor...Quiçá mais intenso, mas glamouroso, mas presente, mais e tudo mais!! Adorei!! Sdds de ti tambem, mas agora estamos aqui, juntas de novo...bjinhos magicos!

    ResponderExcluir
  15. Me sinto e o que sinto é saudade...

    Abraço meu.

    ResponderExcluir
  16. Sabe que eu sempre achei que Hilda tem tudo haverr com Jim?

    E esse lado do Drummond é realmente um lado ótimo =)

    Adoro sensualidade...

    Bjs, querida. O post ficou hot!

    ResponderExcluir
  17. Bom demais...
    Cinthya - O Divã Dellas
    http://odivaadellas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Tem químicas que são assim... nunca morrem!

    ResponderExcluir
  19. O meu desejo vem pelo tocar, o passeio dos meus dedos pelo corpo de quem quero.
    Pensá-lo é desejá-lo, é perceber meus dedos sendo impulsionados.
    Estranho, talvez, mas sou assim.

    ResponderExcluir
  20. Como sempre, mesclando poesia, realidade (ânsias) e agora com trilha sonora.
    Qual sua cor preferida, por favor?

    ResponderExcluir
  21. Como sempre lindas suas postagens.
    Bjinhoss amiga XD

    ResponderExcluir
  22. uma grande mistura de versos...todos intensos...de fortes sentimentos...

    seu texto arremata o post brilhantemente...na mesma intensidade....


    bjo!

    Zil

    ResponderExcluir
  23. Bonitos retalhos.

    Flores e uma ventania
    de bons pensamentos.

    ResponderExcluir
  24. Quando há este endimento nenhuma palavra basta, apenas o toque e o olhar.

    ResponderExcluir

Porque a vida, a vida, a vida,
a vida só é possível
reinventada.

"Cecilia Meireles"