"E o que o amor pode fazer, o amor ousa tentar."


Romeu e Julieta



Amor é uma fumaça que se eleva com o vapor dos suspiros; purgado, é o fogo que cintila nos olhos dos amantes; frustrado, é o oceano nutrido das lágrimas desses amantes. O que mais é o amor? A mais discreta das loucuras, fel que sufoca, docura que preserva.


Meu único amor, nascido de meu único ódio! Cedo demais o vi, ignorando-lhe o nome, e tarde demais fiquei sabendo quem é.


No céu o olhar de minha amada flutuaria pelo éter, tão brilhante que os pássaros começariam a cantar, pensando que era dia.




Ah, ela ensina as tochas a brilhar! Parece estar suspensa na face da noite, tal qual jóia rara na orelha de uma etílope; beleza incalculável, cara demais para ser usada, por demais preciosa para uso terreno!


Este amor em botão, depois de amadurecer com o hálito do verão, pode se mostrar uma bela flor quando nos encontrarmos novamente.

Meu coração amou antes de agora? Essa visão rejeita tal pensamento, pois nunca tinha eu visto a verdadeira beleza antes dessa noite.

Estas alegrias violentas, tem fins violentos, falescendo num triunfo como fogo e póvora , que num beijo se consomem.


Como não deverá ser doce a posse do ser amado, quando somente a sombra do amor é tão rica de deleites!



" Nunca houve uma história de amor como a de Romeu e Julieta".  
Este filme marcou minha adolescência, eu o assisti em um daqueles velhos festivais que os cinemas da minha cidade fazia, eles recolocavam em cartaz vários filmes das décadas de 50, 60 e 70.  
Fiquei encantada com a beleza dos atores, o figurino, e toda a sutileza do filme do Zefirelli, ganhei um poster de Romeu ainda menina e o tinha no meu quarto ( será que meu romantismo nasceu ai?). Se formos analisar a história a sangue frio vemos que os jovens no ardor dos hormônios da adolescência foram bem afoitos, precisava ir tão depressa? 
Mas como hoje é o dia do casal, pensei, que casal é mais famoso quando se fala em amor?




Romeu e Julieta - Franco Zefirelli



Comentários

  1. O amor não pôde e nem pode esperar.
    A história de Romeu e Julieta é magnífica. Gostei demais nessa postagem.
    Beijo e luz.

    ResponderExcluir
  2. Dia do casal? - Não sabia!!

    Ah sim, Romeu e Julieta foi um casal incrivelmente apaixonados. Eles souberam amar e ensinar o que é o amor...

    Que delícia de mosaicos apaixonados por aqui.

    Amei... rs (ando tão, mais, apaixonada, rsrs)

    Beijos linda

    ResponderExcluir
  3. Prefiro o amor assim, como Romeu e Julieta, inconsequente, ardente, sem medo de sentir. Um amor assim que nos domine por inteiro...

    ResponderExcluir
  4. Não foi o filme, prá mim foi o livro mesmo, com essas frases enlouqucedoras de paixão nesta história mais linda de amor,que me encantou pela via toda...
    Bjs,

    ResponderExcluir
  5. Me lembro de ser criança bem pequena quando assisti esse filme pela primeira vez. Era tudo tão lindo, nessa época eu ainda acreditava muito no amor, em sua força e veracidade; e ao assisti-lo parece que esse amor era muito mais intenso.

    Abraço meu.

    ResponderExcluir
  6. Romeu e Julieta é a melhor prova de amor, simples e encantadora história.

    ResponderExcluir
  7. Boa noite querida, amei assistir Romeu e Julieta em suas varias versões, mas realmente, nenhuma é mais tão bela que essa de Franco Zefirelli...Mas aquela com o Fabio Junior tambem me comoveu, amei...Romeu e Julieta...Ah, tempos bons que nao voltam mais...Bjin

    ResponderExcluir
  8. não sabia que hoje era dia
    do casal ,com certeza não tem casal
    melhor para demonstrar nesse momento
    linda noite
    beijokas

    ResponderExcluir
  9. Oi Maggie!
    Assisti a este filme na minha adolescência e ele me marcou demais! É a representação de amor apaixonado e eterno. Lindo demais este filme!
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  10. REalmente esse é o casal mais famoso da história.Não assisti esse filme assisti a última versão com o leo dicaprio.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  11. O amor é?

    Sei lá! Só o sei viver:)

    ResponderExcluir
  12. Amor, paixão, tragédia e fatalidade : tudo habita neles.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  13. Olá.Essa é minha primeira visita ao blog.Vi seu link em outro blog e resolvi vir conhecê-lo.Adorei seu blog e já estou lhe seguindo.Seu blog é muito bem organizado e suas postagens muito bem elaboradas.Te convido a conhecer meu blog e segui-lo também.Aguardo sua visitinha!
    Bjs!
    Zilda Mara
    http://www.cacholaliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Tão lindo :) ha tanto para dizer sobre o amor!

    ResponderExcluir
  15. Ah! E tem um bom fim-de-semana!

    ResponderExcluir
  16. "Meu único amor, nascido de meu único ódio! Cedo demais o vi, ignorando-lhe o nome, e tarde demais fiquei sabendo quem é.

    Pois bem, esse trecho resume meu último namoro. Aff.

    Eu li Romeu e Julieta lá pelos meus 12 anos, quando comecei a me interessar por Shakespeare. Li o Mercador de Veneza e Sonhos de Uma noite de Verão, mas nada comparado ao romance tórrido de Romeu e Julieta, coisa que eu nunca vou esquecer. As falas, os atos, a ilustração do livro, tudo isso me tornou a romântica incorrigível que sou hoje. Viva Shakespeare!

    Beijo amada!
    http://biacentrismo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Para mim o final é triste e trágico. :/
    e o casal mais famoso são os protagonistas do filme Titanic ou um clássico: A lagoa azul.
    ;)

    ResponderExcluir
  18. Clarice Lispector é simplesmente ótima.
    Gostei do seu blog.
    O achei por acaso e resolvi segui-lo.
    Fiz o meu recentemente, da uma passadinha lá e vê se vc se agrada.
    Espero que sim.

    Abraço...

    http://euseular.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. obrigada pela visita em meu blog.
    gostei muito deste espaço.
    seu blog chega a ser inspirador.. beijos e boa semana.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Porque a vida, a vida, a vida,
a vida só é possível
reinventada.

"Cecilia Meireles"

Postagens mais visitadas